O tratamento para Aneurisma Cerebral

Conheça nossos tratamentos para a solução do Aneurisma Cerebral

Animação demostrando a técnica de embolização para Aneurisma Cerebral.

Animação demostrando a técnica de embolização para Aneurisma Cerebral.

Animação demostrando a técnica de embolização para Aneurisma Cerebral.
O tratamento por embolização dos aneurismas cerebrais começa com a inserção de um cateter (pequeno tubo plástico) na raiz da coxa, na artéria femoral na perna do paciente e navegação dele pelos vasos arteriais, passando pela pelve, abdômen, tórax, pescoço e base do crânio até o aneurisma. Através desta viagem pelo corpo, retificadas pelo cateter, pequenas molas ou espirais de platina são inseridas aos poucos dentro do aneurisma. Ao serem destacadas do cateter são desdobradas dentro da luz no aneurisma, ocupando aos poucos o interior, interferindo no fluxo de sangue para o interior do aneurisma, causando coagulação da luz, redução da pressão interna provocada pela pressão sanguínea e prevenindo sua ruptura. As molas são feitas de platina para que eles possam ser visíveis pelo raio x e bastante flexíveis para conformar-se com a forma de aneurisma e tentar evitar que ele se rompa. Mais de 450.000 pacientes no mundo inteiro já foram tratados com molas de platina destacáveis.

Assista:



Comentários: